Buscar
  • Ricardo Formanek

O que é Cultura Organizacional?


Cultura organizacional é um termo que busca representar o "comportamento" de uma organização. Essa definição, propositalmente simples, não é suficiente, entretanto, para descrever o que é, de fato, a cultura de uma organização.

Mas, se definir cultura organizacional, requer certo exercício de abstração, perceber suas manifestações é bem mais fácil. Aspectos como estrutura hierárquica, código de vestimenta e até mesmo a arquitetura do ambiente de trabalho, permitem presumir como é a cultura de uma organização.

Algo interessante de se observar é que, diferentemente de regulamentos e procedimentos, a cultura de uma organização não se forma por meio de decretos, pelo contrário, ela é formada lenta e gradativamente e se desenvolve junto com a história da instituição. Isso está longe de significar que a cultura de uma empresa é concebida de forma aleatória ou casual, mas são as ações, muito mais do que as intenções, que servirão como alicerce para a construção da cultura organizacional.


Palavras são apenas palavras... ou "Cadê a coerência?"


Está claro que o estabelecimento da cultura está muito mais ligado às ações do que às palavras, especialmente quando analisamos estilos de liderança. Chefes que pregam o diálogo e que se autointitulam receptivos e democráticos, mas, no dia-a-dia dos negócios se trancam em suas salas e abrem pouco espaço em suas agendas para conversas francas com seus subordinados, passam uma mensagem muito clara sobre como as coisas realmente acontecem por lá.

Um dos grandes problemas, notados já na fase de planejamento estratégico, reside na elaboração da missão, da visão e, principalmente, dos valores da organização. A missão de uma empresa descreve sua razão de existir, já a visão, estabelece os objetivos de longo prazo que guiarão os esforços da organização. Muitas empresas optam por colocar placas nas paredes recheadas de clichês, sem perceber as consequências nocivas que esse tipo de autoengano causa. Mas o pior vem na hora da elaboração dos valores da empresa. O que deveria ser uma relação dos princípios por ela valorizados e passar uma mensagem inequívoca sobre quais os comportamentos esperados e quais aqueles considerados inaceitáveis, muitas vezes cai na vala comum dos termos que estão na moda. É praticamente impossível, ao se ler a declaração de valores de uma empresa, não se deparar com palavras como Inovação, Pluralidade, Ética, Equipe, Foco, Sinergia, Respeito, Diversidade, Sustentabilidade entre várias outras. Nada errado em se usar tais expressões desde que haja coerência entre o discurso e a prática, entre o que é proposto e o que é praticado.

Se você é um gestor, dirigente ou empresário, tenha em mente que a sua atuação influencia e é influenciada pela cultura da organização em que você trabalha.

E como é a cultura da empresa em que você trabalha? Deixe seus comentários e observações.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo